Notícias

3 dicas de marketing digital para vender mais na Black Friday

16/11/2015

3 dicas de marketing digital para vender mais na Black Friday

Considerada uma das três datas comerciais mais importantes do ano, a Black Friday de 2015 será uma oportunidade e tanto para os empreendedores aumentarem o seu faturamento. Neste ano, a expectativa é vender mais de R$ 1,5 bilhão. Para que o evento seja de fato impactante, o pequeno negócio deve se destacar e, para isso, investir em marketing digital é uma boa saída. “Os grandes players têm muito dinheiro para investir na Black Friday e é por isso que o empreendedor e as pequenas empresas devem investir certo”, diz Robson Del Fiol, CEO da Esv Digital Brasil.

Pensando nisso, Del Fiol lista algumas recomendações básicas. “Oferecer descontos, entender o consumidor, preparar o estoque e fazer uma previsão de demanda são a base de um bom preparo para a Black Friday”, diz. Confira quais ações podem ajudar os pequenos negócios na Black Friday.

1. Video-marketing

Para Del Fiol, o vídeo tem um apelo visual muito melhor do que uma página estática. “É a chance que a empresa tem de demonstrar o uso do seu produto na prática e em várias plataformas como YouTube, Facebook e Instagram”, diz.

2. Redes sociais

“O brasileiro é um heavy user de redes sociais e cada vez mais isso tem um impacto para as empresas”, afirma o especialista. Além de divulgar a marca, Del Fiol acredita que um bom uso dessas plataformas pode aumentar a reputação dos negócios e aumentar o número de compradores. “Os clientes vão procurar a página das empresas antes de comprar. Se estiver repleta de críticas, as pessoas não vão adquirir. As redes sociais também atuam na segurança do consumidor.”

3. Palavras-chave

Segundo o especialista, investir em palavras-chave do Google exige que a empresa pesquise antes de gastar com isso. “Para divulgar sua marca, o empreendedor tem que pensar no que o público vai procurar. A melhor estratégia para o pequeno é focar no que realmente traz retorno, como o produto principal da loja. Se tentar divulgar tudo que tem no estoque, vai encontrar dificuldade”, afirma.

Fonte: revistapegn.globo




<< Voltar