Notícias

Marketing digital: orçamento sobe 8%

26/08/2015

Marketing digital: orçamento sobe 8%

Os orçamentos para marketing digital terão alta de 8% em 2015, de acordo com projeções do Gartner. A pesquisa da consultoria envolve seis áreas diferentes: alta tecnologia, serviços financeiros, manufatura, varejo e transporte, mídia e hospitalidade.

O levantamento ouviu diretores de marketing de 315 empresas com receitas totalizando, no mínimo, US$ 500 milhões por ano, segundo o Computerworld .

Os resultados mostram que a influência do marketing sobre os gastos com tecnologia é crescente, e assim permanecerá até 2017, com CMOs programando gastar mais com novas tecnologias do que os CIOs.

O marketing digital tem experimentado um crescimento importante, de acordo com o estudo, com empresas começando a ter estratégias online e offline mais coesas. Com isso, a adoção de tecnologias também crescem em várias áreas, incluindo CRM, marketing digital, banco de dados, automação de marketing, análise de clientes, marketing móvel e comércio eletrônico.

A área de marketing é totalmente responsável pela escolha e gestão de prestadores de serviços de marketing em 83% das empresas, e também escolhe os fornecedores de tecnologia em 71% delas.

Em 75% das empresas, o marketing controla o orçamento para consultoria e design de software relacionados com o marketing. Enquanto isso, 47% das empresas afirmaram que o marketing controla o orçamento para a aquisição de software como serviço, e 43% afirmam que o orçamento de marketing é estendido à hospedagem externa de tecnologia para rodar software relacionado à área.

Para o Gartner, o futuro da TI provavelmente envolverá maior colaboração com marketing.

"Os profissionais de tecnologia se tornarão mais responsáveis pela condução dos negócios e pela geração de receita, em vez de apenas apoiar o crescimento das empresas", diz Chris Vennitti, vice-presidente de HireStrategy.

Ainda de acordo com o Gartner, a relação entre os CIOs e os CMOs envolverá uma colaboração muito maior. Além disso, muitas empresas já aprenderam que o uso de novas tecnologias e de software aumenta o risco de violações de dados e de ataques.

"É mais difícil manter o controle sobre as medidas de segurança e sobre os processos de gestão de risco com outros departamentos assumindo o orçamento com aquisição de tecnologia", diz Vennitti.

Por isso, o Gartner alerta que será preciso aumentar o foco em gestão de riscos na área de marketing.

Fonte: baguete




<< Voltar